Na peixaria

Olá!

Temos um novo vídeo no nosso canal: Na peixaria.

Um ótimo dia para todos! 🙂

Vogais nasais

Olá!

Temos um novo vídeo no nosso canal: Vogais nasais.

Um ótimo dia para todos! 🙂

No açougue

Olá!

Você sabe se comunicar no açougue?

Não? Então, assista ao nosso vídeo.

Inscreva-se no nosso canal! http://www.youtube.com/idiomabrasil

Um ótimo dia a todos e obrigada por seguir Idioma Brasil. 🙂

Na padaria

Olá!

No novo episódio de Português ao Vivo, Lúcia vai à padaria para fazer compras.

Confira o vídeo no nosso canal do Youtube!

Um ótimo domingo a todos e muito obrigada pela visita. 🙂

O plural de palavras terminadas em -ão

Capa - Plural ão.jpg

Uma dúvida muito frequente dos alunos estrangeiros é a formação do plural das palavras terminadas em –ão.

Qual é o correto? Limãos ou limões? Questãos ou questões?

Esta dúvida ocorre porque as palavras terminadas em –ão podem formar o plural de três formas diferentes:-ões, –ãos ou –ães. Não há uma regra específica a ser seguida, uma vez que o plural dependerá da origem da palavra, da sua etimologia.

A maioria das palavras forma o plural em-ões.

Alguns exemplos:

Balão – balões; opinião – opiniões; eleição – eleições; coração – corações; questão – questões; casarão – casarões.

Salvador tem muitos casarões históricos.

Vejamos mais alguns exemplos.

Plural em –ãos:

Órgão – órgãos; sótão – sótãos; grão – grãos; irmão – irmãos; mão – mãos.

Eles tocam a quatro mãos.

Plural em –ães:

Alemão – alemães; cão – cães; capitão – capitães; pão – pães.

Comprei alguns pães para o lanche.

Existem, ainda, algumas palavras que aceitam mais de uma forma de plural.

Alguns exemplos:

Anão – anões ou anãos; cirurgião – cirurgiões ou cirurgiães; vilão – vilões, vilães ou vilãos.

Então, você pode se perguntar: como memorizar tantos plurais?

Não acreditamos que decorar listas de palavras seja a solução. Somente o tempo e a prática vão ajudar, uma vez que dificilmente esquecemos palavras que usamos constantemente, que fazem parte do nosso dia a dia.

Perguntas? dúvidas? Escrevam para nós!

Muito obrigada pela visita!

Tamara Krzonkalla

Na feira

Olá!

No novo episódio de “Português ao Vivo”, Lúcia vai à feira para comprar frutas, verduras e legumes.

Quer conferir? Assista ao vídeo!

Inscrevam-se no nosso canal! http://www.youtube.com/idiomabrasil

Muito obrigada pela visita. 🙂

Tamara Krzonkalla

 

Números – Parte 2

Olá!

Assistam a mais um vídeo no nosso canal do Youtube: Português ao Vivo -Números – Parte 2.

Inscrevam-se para receber notificações das próximas publicações: http://www.youtube.com/idiomabrasil

Obrigada pela visita! 🙂

Tamara Krzonkalla

 

Povo brasileiro

Isto é Brasil - Povo brasileiro

Que tal conhecer um pouco do povo brasileiro através da poesia?

“Essa linda mestiçagem
A cultura tão plural
Colorido festival
Como é linda cada imagem
O Brasil pede passagem
Com seu povo tão guerreiro
Pra mostrar ao mundo inteiro
Sua humana substância
E também sua importância
Viva o Povo Brasileiro

Viva o samba e o baião
Viva a moda de viola
Viva o nosso show de bola
Viva o Tom e o Gonzagão
Viva a praia e o sertão
Viva o pulso do pandeiro
Viva a verve e o violeiro
Viva nossa fauna e flora
Viva meu Brasil de agora
Viva o Povo Brasileiro

Um país tão diferente
Tantos povos tantas raças
Toda força dessas massas
Grande povo inteligente
Tem cordel e tem repente
Tem batuques no terreiro
Pro futuro é passageiro
Carimbou sua passagem
Embarcou nessa viagem
Viva o Povo Brasileiro

Suas cinco regiões
Com é multicultural
Tem poesia é musical
Belo em todos rincões
Litorais lindos sertões
No Nordeste tem vaqueiro
E um gaúcho cavaleiro
Pantanal tem seu peão
Comitiva em profusão
Viva o Povo Brasileiro

Tanta fé com sincretismo
Rezas, curas e os mitos
Vão benzer solenes ritos
As mandingas misticismo
Candomblé cristianismo
Tem ogã e tem romeiro
O rezar tão costumeiro
Brasileiro é muita fé
É benzido e com axé
Viva o Povo Brasileiro

Patuás aos pés da cruz
Um benzer e baixar santo
Rezas fortes com acalanto
No terreiro que seduz
Oxalá e tem Jesus
Um Tupã de índio guerreiro
Um Brasil sopro primeiro
Da raiz da identidade
Brasileiro com verdade
Viva o Povo Brasileiro

Irmãos filhos de Tupã
As malocas numa taba
Tem pajé que não se acaba
A fitar novo amanhã
Irmão índio é um titã
Do Brasil foi pioneiro
Resistiu ao estrangeiro
Preservou toda raiz
De primaz toda matriz
Viva o Povo Brasileiro

Irmão negro e africano
Sob a força de um grilhão
Quem forjou na servidão
E plasmou em todo plano
Nosso painel humano
De perfil alvissareiro
Com seu braço de obreiro
Construiu nossa grandeza
Ainda esteio da riqueza
Viva o Povo Brasileiro

Os demais povos do mundo
Que vieram aqui somar
Construir nos transformar
No sentido mais profundo
Irmanados indo a fundo
Nosso irmão por companheiro
Meu Brasil ver timoneiro
Navegando rumo à paz
Pois seu povo é tão capaz
Viva o Povo Brasileiro

Paulo Freire educador
Grande Josué de Castro
Niemeyer nosso lastro
Villa Lobos com valor
O pensar que tem Millor
Vou louvar Darcy Ribeiro
Seu pensar nosso luzeiro
Dando luz pra ver a meta
Do Brasil brotei poeta
Viva o Povo Brasileiro.”

O autor deste poema se chama Allan Sales. Ele é músico, compositor e poeta. Nasceu em Crato, no Ceará. Dedica-se à música popular brasileira e à literatura de cordel.

Foto: http://revistaescola.abril.com.br/

Muito obrigada pela visita. 🙂

Tamara Krzonkalla

 

Tempos verbais pouco utilizados

Capa - verbos em desuso

Podemos observar na linguagem cotidiana que alguns tempos verbais são pouco utilizados. É o caso do futuro do presente simples do indicativo (falarei, beberei, partirei) e do pretérito mais-que-perfeito simples do indicativo (falara, bebera, partira).

O futuro do presente simples do indicativo é substituído pela locução verbal formada pelo verbo IR no presente do indicativo + infinitivo do verbo principal.

Exemplos:

1- Eu falarei com você amanhã. Eu vou falar com você amanhã.

2- Ele comerá todo o bolo. Ele vai comer todo o bolo.

3- Nós partiremos às dez horas. Nós vamos partir às dez horas.

O pretérito mais-que-perfeito simples do indicativo é, normalmente, substituído pelo pretérito mais-que-perfeito composto do indicativo.

Exemplos:

1- Ele acordara muito tarde naquele dia. Ele tinha acordado muito tarde naquele dia.

2- Eu não entendera todas as questões. Eu não tinha entendido todas as questões.

3- Ele partira muito aborrecido da festa. Ele tinha partido muito aborrecido da festa.

Muito obrigada pela visita. 🙂

Tamara Krzonkalla